domingo, 24 de abril de 2011

Sono por que não chega?


Sono por que me abandonas nesta noite
Tão úmida? Espero ansiosa por um cochilo
Ainda que não chegue, ficarei na expectativa,
contando os carneirinhos e pensando nos erros
que cometi em meu dia. Para que eu pare de cometê-los.

Sono aonde tu andas? Venha dar-me a graça
da sua presença, cante uma canção para mim,
faça-me um cafuné, ou talvez me conte uma
história para eu poder ‘nana’ agora.

Noite que parece não ter fim, horas que não
Passam, e a impaciência instala-se dentro de mim.
Olho lá fora ainda escuro, meu corpo
movimenta-se pela sala, e a voz sempre calada
debate-se querendo sair, olhos tão vivos mas
no fundo querendo apenas um descanso.

Sono não me castigue, posso ter sido um
pouquinho má hoje, mesmo assim compreenda-me.
Eu quero apenas mergulhar em meus lençóis e viver
o outro dia, porque este foi um tormento para mim.
Sono por que não chega?

Está bem, não suplicarei mais por sua presença,
Ficarei aqui tranquila e no fundo ansiosa esperando sua
Chegada. Sei que não adianta chamar-te, você sabe
a hora certa de aparecer, mesmo sendo tarde para mim,
é sempre a hora certa para você.

Sono eu ficarei aqui e quando tiveres tempo,
lembre-se que preciso de ti. Não quero passar a noite em claro,
quero viajar nos meus sonhos e acordar quando o sol nascer.
Descansar em um sono profundo e recarregar minhas
energias para começar um novo dia, que brilhará para mim.
Então não me abandones, esperar-te-ei aqui.
Sono por que não chega?

2 comentários:

  1. Se essa expectativa pelo sono que não vem, engendrou esse poema, Santa Insônia Inspiradora.

    Muito lindo, Raquel. Apesar de desesperador. Essas noites são muito doloridas, sua travessia é penosa mesmo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Muito bom este poema Kelzinha.

    To te seguindo no dihiit e no seu blog.
    Visite os meus e se quiser segui-los, vou gostar também.

    Uma abraço menina.

    http://blogdamamaegansa.blogspot.com/
    http://grilofalantecricri.blogspot.com/

    é só acessar, um abraço.

    ResponderExcluir